Apresentação

CAMPO-ZO (Centro de Apoio ao Movimento Popular Organização Social da Zona Oeste). Entidade autônoma, sem fins lucrativos, não governamental, sem vinculação religiosa e partidária, atuando com o propósito de melhoria da qualidade de vida da população.

A idéia do CAMPO surgiu em 1986 com um grupo de pessoas ligadas à pastoral operária, sindicalistas, professores, lideranças comunitárias, comprometidas com as lutas das comunidades da região. Em 1990, este núcleo de lideranças comunitárias da Zona Oeste do Rio de Janeiro, com o apoio do Instituto de Ação Cultural- IDAC organizaram-se enquanto entidade com o objetivo de atuar pela melhoria da qualidade de vida na região. Em 1992 que o CAMPO adquiriu sua sede própria contando com o apoio do IDAC que reformou e equipou uma casa no centro de Campo Grande - Zona Oeste do Rio de Janeiro. Desde então, o CAMPO vem se tornando um espaço privilegiado na discussão dos problemas da Zona Oeste, com a presença de profissionais voluntários, prestando serviços de formação, informação e divulgação, no apoio a grupos organizados que visam a ação social.

Após um levantamento feito com o apoio do IBASE e IDAC sobre o perfil da Zona Oeste, foram identificadas várias necessidades e priorizamos três áreas para nossa atuação: Saúde, Educação e Juventude.

  • Edital Relâmpago - Instituto Phi Vídeo para seleção.